Av. Augusto Bauer, 240, Salutar Centro de Saúde, SL 303, Jd. Maluche, Brusque - SC
(47) 3396-7656  |   (47) 9 8895-6952  |   contato@mwdermatologia.com.br

Degradação da papada: conheça a técnica que vai eliminar a gordura indesejada

Você se incomoda só com a possibilidade do surgimento da papada? Esse “queixo duplo”, se deve ao acúmulo de gordura localizada na região submentoniana e/ou estar associado a flacidez de pele e contração dos músculos do pescoço. Esteticamente, a papada pode incomodar muito, diminuindo a confiança e a auto-estima. Por isso, a técnica de degradação da papada foi desenvolvida para amenizar esse incômodo e melhorar a vida dos pacientes.

 

Diferente do que muitas pessoas acreditam, a papada pode surgir por diversos motivos e não somente pelo excesso de peso. Em geral, a papada costuma aparecer após os 35 anos, já que e nesse período que a pele começa a ficar flácida. Isto se deve ao envelhecimento natural, mas ela pode surgir em qualquer idade, por predisposição genética, aumento de peso, falta de projeção do queixo, dentre outros fatores.

 

Existem diferentes métodos de tratamento para melhorar essa queixa. A melhor opção de tratamento depende do grau de intensidade da papada e se ela ocorre por excesso de gordura ou flacidez. Por isso, é muito importante sempre passar por avaliação profissional com credibilidade e segurança. A degradação da papada é um procedimento minimamente invasivo, realizado após anestesia tópica local.

 

O tratamento deve ser combinado e pode ser realizado através da aplicação de enzimas que atuam na quebra de gordura local melhorando o aspecto de “queixo duplo”. Além disso, podemos usar a toxina botulínica para relaxamento do músculo do pescoço que “puxa” a pele para baixo e os bioestimuladores para estímulo do colágeno e melhora da flacidez.

 

Realize a degradação da papada na dermatologista Mariana Wanczinski

 

A degradação da papada atinge resultados bastante satisfatórios tanto na redução da papada quanto no contorno do rosto. Assim, o seu rosto fica melhor definido e harmonizado. Apesar de ser um procedimento minimamente invasivo, a avaliação de um profissional é fundamental.

 

Para a realização da degradação da papada geralmente são necessárias de 2-5 sessões, com intervalos de 6-8 semanas. Pode ocorrer uma reação inflamatória local,com inchaço, dor, formação de nódulos e alteração da sensibilidade local por alguns dias.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *